Um novo mundo

O mundo poderia ser melhor.
Muito melhor…..

Mas isso não seria devido a uma mobilização geral contra o aquecimento global;
Ou se você lesse mais livros;
Ou se os políticos de Brasília não fossem tão cínicos e corruptos;

O mundo poderia ser absolutamente melhor se houvesse ….. respeito.
Se a maioria das pessoas tivesse aquela sensibilidade linda que caracteriza as pessoas que esbanjam respeito….

Parece simples, mas poucas são essas pessoas..que tem um respeito sincero.

Dois exemplos.

Esses dias, conversando com um professor sobre um assunto que ele iria comentar em um programa de tv, sugeri que ele falasse sobre a a influência da informalidade da internet na língua portuguesa – entre tantas coisas, da quase ausência do termo “Prezado fulano” nos e-mails, característicos das épocas das correspondências por cartas.

Ao afirmar isso, ele disse:

-“Puxa, eu ainda uso o termo ‘prezado’.

Depois disso, ele poderia seguir dois caminhos.

O primeiro era afirmar que eu estava equivocada na afirmação.
Entretanto, ele optou pelo segundo caminho e disse em seguida:

-“Acho que eu estou meio antigo né?”

O professor puxou o problema para ele, e não para a afirmação que eu tinha feito. É claro que de maneira alguma haveria problema em ele contestar o uso do prezado, mas de uma forma respeitosa, ele se posicionou como uma exceção para o uso da expressão. E de maneira alguma, eu achei de fato que ele fosse uma pessoa antiga, pelo contrário, refleti sobre a possibilidade do uso do prezado e passei a admirar o professor ainda mais.

Outra falha muito comum do ser humano quando ele falta com o respeito é querer parecer “mais” na frente dos outros.

Um dia em uma reunião de pauta no trabalho, uma repórter comentou sobre um matéria que faria em uma associação de portadores de síndrome de down. Neste momento, outra repórter comentou que ela tinha tem um contato interessante nesse lugar, que poderia ajudar muito e que ela poderia fornecer o telefone a ela. Entre dois caminhos, a repórter da matéria escolheu o pior deles e disse:

-” É, mas eu já tenho um contato lá.”

Uma única frase e a mudança de todo um contexto.
Por quê não afirmar – ” Puxa, bacana, obrigada, pego com vc depois”.

Não importa se ela já tinha um telefone de alguém lá, é uma questão de respeito, de sensibilidade.

O respeito é tão importante porque com ele você consegue muitas coisas:

– Se importar com as pessoas;
– Se relacionar melhor com elas;
– Ouvir mais do que falar;

Podem até lembrar de você pelo ótimo funcionário que você é, por como você capricha nos trabalhos e cumpre bem sua função. Porém, só vão admirá-lo e querer vê-lo novamente, pela forma como você tratou as pessoas e as respeitou.

Prestar atenção nas pessoas ao nosso redor parece fácil, mas é um aprendizado.
Enxergar não só quando é a hora certa de falar, mas também quando é o momento de só dar um apoio quando elas falam. De ouvir atentamente, mesmo que os argumentos não influenciem em nada na sua maneira de pensar. Ouça.

Suporta-se tudo, menos a grosseria.
Respeite… da forma mais sincera que conseguir.

Anúncios

6 comentários sobre “

  1. Belo texto, flor!e é por isso que vc me conquistou no dia do trote, pela maneira q encarou td aquilo e começou a conhecer as pessoas.Lembre-se “tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas”

  2. – Se importar com as pessoas;– Se relacionar melhor com elas;– Ouvir mais do que falar;Qtas lições num texto só….Sabe Clarinha, de vez em qdo eu acho q te conheço bem, q vc é um exemplo mto bom a ser seguido… Mas, de repente, qdo eu menos espero, vc vem e me surpreende: vc é mais, mto mais!!!!!!Ah, como seria bom se tds q eu conheço prezassem tanto pelo respeito como vc…Bjinho

  3. Oi Clara….Fazia duas semanas que não entrava no seu blog, acho q pela correria do trabalho. E hj qdo entrei, percebi mais uma vez, o quanto falamos a mesma língua, e os pensamentos, o sentir das coisas do dia a dia , nem se fale… Há dois dias exatamente discutia no carro com minha mãe, o quanto as pessoas deveriam ouvir mais e falar menos, e prestar mais atenção no q o outro tem a dizer… e se possivel fazer um comentário sobre o q a pessoa disse… pq mtas vezes vejo nas pessoas, q vc fala por exemplo:” que dor de cabeça” e ela “nossa to com dor de cabeça desde semana passada”… acho até engraçado dizer isso, mas eu acho super desagradável algumas situações desse tipo…rs…A questao é, colocarmos mais no lugar do outro… um beijinho Clara , boa semana.. fica com Deus…

  4. concordo com você Clara, a humanidade seria muito melhor se nos respeitássemos mutuamente.. O respeito é o primeiro passo para tudo, respeitar o outro… as diferenças, as normas, as opiniões que divergem.. ps: clara.. vc pode passar o e-mail do Gabriel da sua sala pra mim?

  5. Uma vez, conversando com o Fanfa, ele me disse: “Cara, é muito difícil conversar com as pessoas. Elas só querem falar, falar e falar. Quando você começa a falar, muitas vezes, elas te cortam e começam outro assunto.”Eu sempre tentei escutar, mas depois daquilo que ele me disse, tentei tomar mais consciência e ouvir as pessoas com mais calma e tranquilidade.Todo mundo é muito individualista… eu também devo ser. Mas a vida seria bem melhor se as pessoas se preocupassem mais com os outros.Agradeço a Deus por ter conhecido a Clara e ter um amigo como o Fanfa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s