sono

sonhei que sabia que estava sonhando.
e por saber que estava sonhando, pedi um cachorro.
e com o cachorro pedi uma estrada em linha reta com jardins.
e corremos por ela, eu, o cachorro e mais um monte de gente que ia aparecendo no caminho. e elas tocavam flautas, violinos, e jogavam basquete na quadra ao lado – que eu também pedi.

apontei pro céu e pedi algumas folhas caindo.
e comentei com um cara que sabia que estava sonhando. ele sorriu. eu o beijei.
e parti com meu cachorro. de braços abertos. correndo para os nossos sonhos, transformando tudo em movimento.

o celular tocou. acordei.
e me lembrei que sonhava.
e sabia que estava sonhando.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s