o instagram é maior do que nós

já que na origem dos encontros e dos vinhos não tirávamos tantas fotos para publicar. algumas raras para guardar.

mas hoje.
é lá que somos felizes. e onde não tomamos antidepressivos.
os corpos são bonitos. e as fotos são todas alaranjadas e azuis, com um sol sublime recriado para iludir.
é lá em que os casamentos tem mais fotos do que a duração da festa da vida real. instagram não é real. são coisas e comidas sempre alegres. poses de ioga em frente de monumentos turísticos. feeds coloridos e maravilhosos que fazem de todos os seguidores meros expectadores de beleza alheia. estamos passando o dedo na tela enquanto todos passam por nós.
e nos passam pra trás.
viajam pra europa em um suspiro. e nós suspirando daqui.
ficam grávidos. tem filhos rapidamente com fotos da amamentação perfeita.
mulheres maquiadas. decorações sublimes. cachoeiras que não são deste mundo.
como ser deste mundo? como ser um deles?

nós já somos. com menos ou mais intensidade, estamos lá.
felizes. apaixonados. cheios de trabalho. correndo. bebendo cervejas artesanais. nos iates. nas praias onde ninguém consegue chegar. só nós. e nossos filtros.

vivemos no instagram sem a nossa solidão, coitadinha. essa ainda vive entre uma publicação e outra tentando nos lembrar que tanto feed feliz pode nos deixar tristes.

você está querendo dizer que não somos felizes?

somos, ora!
já olhou hoje no instagram?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s